Decidiu se casar? Então saiba de algumas coisinhas importantes!

Bom, dps de alguns dias ” fora do ar ” estou de volta.

Estava passeando por alguns sites e encotrei essa materia super interessante no site da Ana Maria Braga, eu achei muito legal e acho que vale a pena demais ler. Sei que é um pouco grande mas compensa demais a leitura!  Boa Leitura e uma boa semana a todas!!!!

http://anamariabraga.globo.com/materias.asp 

Decidiu casar?
10/10/2008

8 coisas que você deve saber antes de subir ao altar

Casamento definitivamente é um assunto que dá pano pra manga. Enquanto as casadas reclamam dos altos e baixos do relacionamento, aquelas que pretendem se casar vivem sonhando com o momento mágico do sim no altar. 
Só que muitas vezes a magia cai por terra quando alguns assuntos entram em pauta. Para o colunista americano Jay White, existem 8 detalhes críticos que um casal deve observar antes de resolver oficializar uma união.

Casado há 7 anos, ele diz que faria tudo novamente, com a mesma mulher, mas admite que a maioria dos casais sofre com os mesmos tipos de problemas. Mentiras, brigas que tornam-se crônicas, problemas que resultam numa avalanche sem fim, acabam acontecendo porque, só depois de casadas, as pessoas resolvem conversar sobre determinados assuntos. Religião, filhos, dinheiro, sexo… para Jay, tudo deve estar muito claro antes de trocar alianças. 
Só pra prevenir problemas futuros.

Então, antes de dizer eu aceito, veja os 8 detalhes críticos que podem, um dia, fazer sua união desabar.

Habilidade para o compromisso

Quando você está solteiro (a) a vida realmente é diferente. Você supostamente pode frequentar o lugar que quiser, chegar o horário que quiser em casa, e não deve satisfações para um parceiro a respeito de suas atividades diárias. A fase crítica do casamento, segundo Jay, começa quando um dos dois percebe que o outro não abriu mão de nada da vida de solteiro, para assumir um compromisso sério.

“Quando eu era solteiro, eu adorava ir ver jogos nos bares todos os sábados e domingos. depois que casei, diminui a frequência, pra um dia só. Esta era uma maneira de ser maleável com nosso relacionamento, sem abrir mão de fazer uma coisa que eu gosto”

Para ele, deve haver um comum acordo, entre o casal. Se a mulher não liga que o parceiro saia 4 vezes por semana pra ver futebol, e diz para ele continuar fazendo o que faz, ela não deve depois jogar na cara, que ele sai com tal frequência. Se ela o obriga a ficar em casa, ao invès de deixá-lo ir, também há um erro, porque ela não estará respeitando certas necessidades dele.
O ideal é que haja um equilíbrio. uma conversa, e que, num relacionamento não seja somente um dos dois que abra mão de alguma coisa. O que acontece frequentemente é que muitos se anulam depois de abrir mão de pequenas coisas, pois o outro se acha no direito de influenciar nas decisões maiores. 

Em outras palavras, todos devem ter consciência de que, depois que se casam, não podem continuar vivendo uma vida de solteiro, mas também não podem deixar de lado todas as coisas que davam prazer. Deve haver um bom senso.

Dinheiro

“Minha mulher começou a depositar seus cheques em minha conta depois de 3 meses de namoro. Eu não recomendo que isso seja feito tão cedo, mas ela dizia não saber cuidar do dinheiro e pediu para que fizéssemos isso”, diz Jay.

De acordo com especialistas, isso só aconteceu numa boa porque o casal teve a consciência de que começaria a dividir as despesas. Em outras palavras, enquanto ela não poderia reclamar da má administração do dinheiro, já que não sabia nada sobre aplicações e não tinha conhecimento de todos os débitos automáticos da conta conjunta, ele também teve que ter uma paciência de Jó ao vê-la estourando o cartão de crédito com roupas e coisas para as crianças. 

A dica de Jay é “antes de juntar os trapinhos, pense nos seus planos para hoje, e pense nos seus planos para daqui a 5 anos. E veja quem está controlando o que.

Quem vai limpar o banheiro?

Uma preocupação constante, para Jay, é o fato de manter a casa limpa. Quem se lembra, na hora de se casar, das coisas não divertidas que serão feitas em casa, como por exemplo, limpar o chão do banheiro? O conselheiro amoroso ressalta a importãncia de se programar e rotacionar semanalmente a limpeza caso vocês não tenham uma empregada. E ele alerta “o fato de ser mulher não torna a esposa a responsável pela limpeza da casa. Os homens devem se responsabilizar por isso também, sim!

O plano

Ele é necessário, embora não dê pra se fazer um roteiro do casamento, mas muita confusão pode ser removida, se fizéssemos planos para os primeiros anos de casados.
As pessoas devem ter este planejamento agora, e revisá-lo com frequência. 

Plano para o primeiro ano: Este é óbvio. Depois do casamento vocês devem planejar como pretendem viver, onde, o que cada um vai fazer em casa, etc

Nos 3 primeiros anos: Vocês não são mais desconhecidos, e podem estar considerando ter filhos. Você precisa planejar bem isso. Quem trabalha, quem fica em casa, qual será o tipo de cuidado diário que a criança irá necessitar… Como será quando a criança chegar na fase escolar, como transformar a casa de casal numa casa de família… Nós sabemos quanto custa ter um filho?

No sexto ano: Como você quer que seja seu relacionamento depois de 6 anos? Hábitos de comunicação, vida sexual, carreira, tudo.. Fale sobre isso agora e periodicamente considerando fazer ajustes baseado no grau de aproximação de vocês dois.

No nono ano: mais uma vez, como voc~e gostará de estar com seu parceiro, depois de 9 anos de casado? Porque? Como a vida será? Quantas crianças terão? 

Feriados datas comemorativas

É necessário discutir onde vocês passarão Natal e Ano Novo, por exemplo. Esta é uma batalha típica de todo casal. Quando se casam, tudo vai ás mil maravilhas, mas é só chegar o Natal, que o stress bate à porta.
Decidam antes estes detalhes. 

Disciplina

Para evitar surpresas na criação dos filhos, discuta agora sobre os métodos que irão utilizar para educá-los. Se o marido é a favor de dar uns tapinhas na criança para fazê-la aprender algo, e a mulher preferir o diálogo, haverá um conflito em situações que, por si só, já serão estressantes.

Religião

Conversem sobre as diferenças, vejam o quanto ela é importante para vocês e o que vocês ensinarão ás crianças.

Comunicação e mentiras

Todo mundo está sujeito a uma pequena mentira, mas deve-se haber uma boa comunicação entre o casal, de forma que ambos percebam quando algo não vai bem com o outro.

Um homem deve ouvir a esposa durante um problema, e vice versa.E ambos devem se apoiar nos momentos de crise. Planejar e conversar faz com que estes obstáculos sejam bem menores.

Bibliografia: Jay White – site Shine: Fashion and Beauty.

Crédito: 
Cinthia Dalpino

Anúncios
Published in: on outubro 13, 2008 at 10:00 am  Deixe um comentário  
Tags: , , , , ,